Gemte

Notícias

14 de Março de 2013

Previdência alerta sobre golpe por e-mail ou telefone

Previdência alerta sobre golpe por e-mail ou telefone

Criminosos entram em contato, por telefone, com segurados, sob a falsa alegação de que o cidadão teria direito a receber valores atrasados de benefícios.

 

Os cidadãos brasileiros devem ficar alerta contra um novo golpe que tem se tornado recorrente neste início de ano. De acordo com comunicado publicado nesta quarta-feira (13), pelo Ministério da Previdência Social, estelionatários estão utilizando o nome do Conselho Nacional de Previdência Social para oferecer benefícios previdenciários e extorquir os cidadãos.
Segundo o Ministério, os criminosos entram em contato, por telefone, com segurados, sob a falsa alegação de que o cidadão teria direito a receber valores atrasados de benefícios pagos pela Previdência Social, eles pedem ao segurado que informem dados pessoais e solicitam o depósito de determinada quantia em uma conta bancária, para liberar um pagamento que não existe.

A Previdência Social informa aos cidadãos que não solicita dados pessoais dos seus segurados por e-mail ou telefone e também não realiza nenhuma forma de cobrança para realizar seus serviços. A principal recomendação da instituição para os seus segurados é que não utilizem intermediários para entrar em contato com a Previdência.

O cidadão pode telefonar para a Central 135 e agendar uma visita a uma Agência da Previdência Social (APS), onde será atendido por um servidor especializado que tomará as providências cabíveis e prestará todos os esclarecimentos necessários. A Previdência também alerta à população para que não forneça os seus dados pessoais para terceiros, já que estes dados podem ser utilizados para fins ilícitos. Todos os serviços da Previdência Social são gratuitos.
Caso o cidadão seja vítima desse tipo de abordagem, a Previdência orienta este para que não efetue nenhum depósito em conta bancária ou forneça seus dados pessoais para terceiros que se passam por representantes do órgão. É importante também que o cidadão registre imediatamente um boletim de ocorrência na Polícia Civil e comunique o fato à Ouvidoria Geral da Previdência Social. Para entrar em contato com a Ouvidoria, basta ligar na Central 135 ou acessar a página do Ministério da Previdência Social na internet.

Gerenciamento de Risco da Previdência
Segurados podem tirar todas as dúvidas sobre a Previdência Social pela a Central 135
Em caso de golpes que gerem prejuízos para a Previdência Social, a Assessoria de Pesquisa Estratégica e Gerenciamento de Risco da Previdência (APEGR) encaminha as denúncias para a Polícia Federal e participa das investigações, juntamente com os demais órgãos de controle do Governo Federal. O Ministério Público Federal também integra a Força Tarefa Previdenciária.
Nos casos de golpes contra o segurado, em que não há prejuízo para a Previdência Social diretamente, os cidadãos devem registrar ocorrência junto a Polícia Civil e fazer o registro na Ouvidoria da Previdência Social.

Fonte: Portal Brasil - de 13/03/13 - http://www.brasil.gov.br